24.4.09

CANNES 2009

A lista do Festival de Cannes está um primor este ano, principalmente para os fãs do cinema físico e fantástico! Dá só uma olhada nessa seleção:

DAS WEISSE BAND, aka THE WHITE RIBBON, de Michael Haneke: Boto fé no diretor de FUNNY GAMES, A PROFESSORA DE PIANO e CACHÈ (mas recomendo também o 71 FRAGMENTS OF A CHRONOLOGY OF CHANCE, que já não é tão conhecido, mas é um de seus melhores trabalhos). Este seu novo filme vai se passar no início do século passado, ambientado numa escola rural no norte da Alemanha onde estranhos eventos acontecem envolvendo rituais de castigo. Segundo o imdb, Haneke questiona sobre como isso tudo afeta o sistema escolar e como a escola teve influencia sobre o fascismo.

ANTICHRIST, de Lars Von Trier: Aquela imagem que postei aqui no blog outro dia e o trailer que saiu recentemente deixa tudo bem claro: filme de horror puro com visual pictórico e tudo indica que a coisa vai ser de arrepiar! Temos Willen Dafoe e Charlotte Gainsbourg vivendo um casal com problemas que se refugiam numa cabana no meio da floresta. Não quero nem ficar imaginando o que o dinamarquês maluco vai aprontar com esses dois...

VENGEANCE, de Johnny To: Esse é mais que óbvio. Qualquer filme do To, independente de estar em festivais ou não, é motivo para comemoração. Ainda mais com um roteiro que, tudo indica, vai conter um assassino francês (Johnny Hallyday) em busca de vingança, universo da máfia mais uma vez servindo de cenário e bastante ação naquela genialidade de trabalho de câmera e composições que só o To sabe fazer atualmente!

THIRST, de Park Chan-wook: Não sei muito o que esperar deste aqui, na verdade. Park narrando uma estória de vampiros, provavelmente vai sair algo bom. Minha expectativa está bem alta pelo menos. O negócio é que fiquei um pouco decepcionado com o LADY VINGANÇA e nem tive coragem ainda de assistir I’M A CYBORG, BUT THAT'S OK. O trailer me deixou bastante animado, vamos aguardar...

INGLORIOUS BASTERDS, de Quentin Tarantino: Acho que nem precisa de apresentações. Um dos filmes mais aguardados do ano!

TAKING WOODSTOCK, Ang Lee: Não consegui nem ver ainda o LUST, CAUTION, algo que vou tentar corrigir nos próximos dias, mas Lee já retorna com uma comédia no mínimo interessante, uma espécie de origem histórica do Woodstock, festival que definiu uma geração nos anos 60, contada sob o ponto de vista de um rapaz que trabalha no motel de seus pais. Muito Rock, hippies, e aquele visual lisérgico dos anos 60.

SOUDAIN LE VIDE, aka ENTER THE VOID, de Gaspar Noé: O diretor de IRREVERSÍVEL retorna com um projeto que eu não faço a menor idéia do que se trata, e também prefiro deixar assim e descobrir na hora em que estiver assistindo. Mas só pelas imagens que saíram dá pra perceber que, pelo menos no visual, o sujeito continua apurado (sim, eu adoro seus filmes anteriores)! Desde 2002, que Noé não lança um longa metragem. Vocês podem encontar várias fotos do filme aqui.

E ainda teremos os novos de Pedro Almodóvar, Marco Bellocchio, Ken Loach, Tsai Ming-liang, Alain Resnais e outros...

Fora de competição, eu gostaria de estar lá (vai sonhando) pra conferir THE IMAGINARIUM OF DOCTOR PARNASSUS, do Terry Gilliam, definitivamente o ultimo filme com participação do Heath Ledger. Além de DRAG ME TO HELL, novo trabalho do Sam Raimi e MOTHER, do Bong Joon Ho, o mesmo de THE HOST.

30 comentários:

  1. Loach não, peloamordedeus...

    É o jeito torcer para o Taranta, ele já merecia pelo seu melhor filme, Death Proof.

    É o que me resta, já que Assayas e o Gray não estão dentro. :B

    ResponderExcluir
  2. E QUE lista! Quero muito conferir o novo do Noé e do Von Trier. O Festival do Rio desse será ótimo pelo visto.

    ResponderExcluir
  3. Tou torcendo pelo Tarantas mesmo.
    Fora To e Almodovar, tou cagando pros outros.

    Esse do Trier ou vai ser foda, ou vai ser umas das maiores bostas do nosso tempo. Não gostei do trailer.

    ResponderExcluir
  4. Irreversivel é uma bosta.

    ResponderExcluir
  5. Também gostei bastante da lista. Antichrist tem potencial para surpreender e um cara que teve bagagem no terror psicológico numa série MUITO FODA (Riget). Gostei muito do resumo pq mostrou alguns filmes que não tinha lido na lista (acho que não li direito hehehe). Tô na torcida e ansioso pra ver À Deriva, do Heitor Dhalia.

    ResponderExcluir
  6. Nem que seja pra ganhar um Bubaloo, mas Bong Joon Ho tinha que ganhar qualquer coisa (isso se o cara não fizer nenhuma burrada, claro). Esse sim é o melhor diretor coreano do momento. Nada contra Chan Wook Park, mas o do ciborgue foi decepcionante...

    ResponderExcluir
  7. Grande seleção de filmes esse ano. Quero só ver as resenhas antecipadas.
    Esse Enter the Void tem ótimas imagens e promete ser mais um filme para causar polêmica.

    Esse Mother do Joon-ho Bong promete. Pelo menos a que faz a mãe do título parece ter uma interpretação muito boa.

    ResponderExcluir
  8. Leandro Caraça24/04/09 20:13

    James Grey está dentro. Ele faz parte do juri do festival. :)

    E ainda vai ter TETRO do Coppola e AGORA do Amenabar. Cannes humilhou.

    ResponderExcluir
  9. "Agora" é outro que estou ansioso para ver.

    ResponderExcluir
  10. Osvaldo Neto25/04/09 02:22

    É só eu ou mais alguém acha esse poster do VENGEANCE parecido até demais com o de OLDBOY?

    ResponderExcluir
  11. Nossa, cara. Só encontrei seu blog agora, não sei como! E achei realmente EXCEPCIONAL!

    Parabéns, mesmo!

    Inclusive sou do Cidadão Kang, que além de cinema trata de games, informática, séries, etc. Até podemos estabelecer uma comunicação melhor!

    ResponderExcluir
  12. Tá muito boa a seleção esse ano. Torcer pros vampiros do Park levarem, mas acho que a Palma fica com o Tarantino ou com Trier. Puro palpite
    E ontem vi MARTYRS... putaquepariu, muito foda e angustiante o filme. Coisa finíssima.

    Abraçoss!!

    ResponderExcluir
  13. Leandro Caraça25/04/09 22:35

    A Palma será de Tsai Ming-Liang, Lou Ye, Resnais ou Almodóvar. Podem me cobrar depois.

    ResponderExcluir
  14. Resnais tem grande chance... o cara tá em final de carreira (espero que não), e todos seus ultimos filmes estão sendo maravilhosos! Talvez seja a última chance do festival dar um premio para um cabra desse calibre, verdadeiro decano do cinema francês.

    Haneke e Trier sempre tiveram bastante chance e sempre levam alguma coisa, mas torço também pelo Liang, que eu acho um puta diretor! GOODBYE DRAGON INN é sensacional.

    O Almodovar, caso ganhe, espero que seja com um filme realmente bom, do nível de TUDO SOBRE MINHA MÃE, FALE COM ELA e os filmes da década de 80. Porque aqueles dois ultimos que fez, são apenas bons, na minha opinião...

    Lo Ye nunca vi nada, Tarantino não deve levar, assim como o To e o Park... mas tudo bem.

    Bom saber que TETRO vai passar!

    Cannes é sempre uma surpresa, mas essa seleção realmente me surpreendeu!

    ResponderExcluir
  15. A seleção está ótima, muitos medalhões. Esse festival promete ser dos melhores dos últimos anos.

    Agora, Gaspar Noé é uma fraude total :(

    E a Palma fica entre Haneke e Resnais.

    ResponderExcluir
  16. Ele é um bom manipulador, Sérgio, gosta daquele choque gratuito e eu sei que os filmes dele dividem bastante as opiniões, mas eu gosto, fazer o que? hehehe

    ResponderExcluir
  17. Leandro Caraça26/04/09 00:19

    Noé é um manipulador safado. Assim como o Haneke e o Trier. ;)

    Cinema de gênero bem definido e com letra maiúscula não costuma ganhar em Cannes. Almodóvar pode se dar bem brincando de thriller clássico. O Resnais como vc disse, está bem idoso e não comparece no festival desde o começo da década de 80. Asiáticos costumam levar em anos "recheados" como este. Lou Ye fez o interessante SUZHOU RIVER e por coincidência, amanhã irei ver SUMMER PALACE que fez em 2006.

    Claro que se Tarantino ou Johnnie To levar a Palma, vai ter um louco aqui em casa abrindo uma garrafa de cidra ! ;)

    ResponderExcluir
  18. "Noé é um manipulador safado. Assim como o Haneke e o Trier."

    Noé e Trier, sim. Haneke nunca.

    ResponderExcluir
  19. Uma das listas mais promissoras da história do festival? Mas até que nada tenho q reclamar de Cannes. Mesmo em anos "fracos", são bons.

    Se filme de gênero é seguir uma cartilha de cabo à rabo sem tirar nem por, então CANNES faz bem de não premiá-los. E manipulador não quer dizer nada de negativo artisticamente falando. Agora quem aceita bem a viajem pela opinião alheia ou não, vai do gosto do freguês.

    ResponderExcluir
  20. "O negócio é que fiquei um pouco decepcionado com o LADY VINGANÇA"

    Um dos filmes mais insuportavelmente chatos da história da humanidade. Eu não tenho mais coragem de ver nada do Chan-Wook que tá me cheirando ser uma baita de uma farsa, até pq OLDBOY tb não é lá essas coisas apesar de ser bem bom.

    ResponderExcluir
  21. "Segundo o imdb, Haneke questiona sobre como isso tudo afeta o sistema escolar e como a escola teve influencia sobre o fascismo."

    Haneke sempre Heavy Metal. Ele não coloca o dedo na ferida, ele enfia um trator nela!

    ResponderExcluir
  22. E como Ken Loach não? Ken Loach sim! Sempre!

    Até o novo do Von Trier eu quero ver, apesar desse cara precisar aprender uma coisa ou duas com Haneke, Moodysson e PTA.

    ResponderExcluir
  23. Eu ainda acredito no Park. Um Sujeito que dirige MR. VINGANÇA e OLDBOY merece meu respeito, mesmo tendo derrapado uma vez... ainda nõa vi o CYBORG, mas este THIRST parece ser bem legal... dê mais uma chance pro cara, Daniel! hehe

    ResponderExcluir
  24. Sem esquecer de Zona de Risco, do Park, que é um filmaço do caralho.

    ResponderExcluir
  25. Cada filme do Ken Loach é um capítulo de um livro de História.

    Tirando o primeiro, 'Kes', que é realmente muito bom.

    E nem de Oldboy eu gosto, hehe.

    ResponderExcluir
  26. Medo da porra do Ken Loach, aquele Terra e Liberdade é uma das coisas mais horrendas que existem, CHATO PRA CARALHO.

    ResponderExcluir
  27. Concordo plenamente com o kevin, é o pior que vi dele. E esse ainda ganhou uma porrada de prêmios em Cannes, acho. Loach é superestimado, não tem jeito.

    ResponderExcluir
  28. Eu discordo de vocês. Loach nunca vai estar entre os meus melhores diretores, mas dentro da proposta de cinema que faz, ele é bom, principalmente nos filmes mais antigos.

    ResponderExcluir
  29. ok, passo a bola.

    Isabel Coixet não, peloamordedeus... hehehe

    ResponderExcluir
  30. Pra falar a verdade, nunca vi nada dela, nem me interessa...

    ResponderExcluir