11.10.10

O ÚLTIMO MESTRE DO AR (The Last Airbender, 2010), de M. Night Shyamalan

Minha opinião sobre o Shyamalan é a de que ele é um grande engodo. Mas há oito anos atrás eu não diria isso. Não vi seus primeiros filmes, acho O SEXTO SENTIDO bacana e CORPO FECHADO um filmaço! A partir de SINAIS é que a qualidade vem despencando. Especialmente a partir de A DAMA DA ÁGUA, a coisa ficou insuportável demais. Sei que ele tem defensores, que argumentam como seus filmes são cheios de significados, como é um diretor incompreendido e tal. Tudo bem, respeito a opinião de cada um e de quem enxerga algo a mais no seu trabalho, mas pra mim seus filmes não passam de metidos a inteligente, chatos e pretensiosos.
E agora temos este O ÚLTIMO MESTRE DO AR (2010). Minha namorada é fã do desenho AVATAR e por isso acabei encarando com ela essa versão cinematográfica mesmo com a espectativa lá em baixo, mesmo sendo algo totalmente destoante da filmografia do homem. E não é que ele demonstra ser bem pior do que eu pensava?! Não conheço muito bem a animação, então minha percepção ficou limitada ao que foi visto na tela mesmo, ou seja, uma aventurazinha meia boca e sem alma, com um ritmo irregular, genérico no humor, na ação (copiando os cacoetes de Zack Snider), aproveitando-se de todos os elementos, situações e personagens que tornam uma estória chata. Por onde anda aquele autor interessante, apontado como grande revelação no início dos anos 2000, bom diretor de narrativas lentas, simples, de roteiros instigantes?

2 comentários:

  1. Fim dos Tempos é lindo MALS AE

    ResponderExcluir
  2. Eu vou achar lindo o fim dos tempos de diretor do Shyamalan, quando ele perceber que é um merdinha que só faz porcaria e resolver se aposentar.

    ResponderExcluir

MUDANÇA DE CASA

Depois de um feedback por aqui e na página do Dementia¹³ no facebook , resolvi tomar mesmo a decisão de fechar as portas por aqui e me muda...